Virada do Samba conta com programação 100% feminina

Para comemorar o Dia Nacional do Samba, nesta quinta-feira, 2, acontece a 2.ª edição da Virada do Samba, que contará com uma programação 100% feminina com shows de Tia Surica, Leci Brandão, Fabiana Cozza e o Samba de Dandara convidando Nilze Carvalho e Raquel Tobias.

O Bar do Samba foi o local escolhido para as gravações do evento, que é online e gratuito, e as transmissões acontecem a partir das 19h nas páginas da Muda Cultural e Samba em Rede (ambas no YouTube e Facebook), além da Fita Amarela (YouTube), Raiz do Samba (Facebook) e Repique de Mão (Facebook).

Essa edição da Virada do Samba começa com a apresentação de Tia Surica da Portela, pastora e matriarca da famosa escola de samba carioca que, por sua vez, é acompanhada do violonista, arranjador e diretor musical Paulão 7 Cordas. Nessa ocasião, eles apresentarão o repertório do Manacéa, um dos grandes baluartes portelenses.

Na sequência vem a cantora, poeta, escritora e pesquisadora Fabiana Cozza, que apresentará repertório de sua vasta carreira. A festa segue com o Samba de Dandara, grupo que utiliza o samba para empoderar e exaltar as mulheres sambistas – que convida as veteranas Nilze Carvalho, cantora, instrumentista, compositora e produtora, e Raquel Tobias, cantora e compositora. Para encerrar a jornada em grande estilo, Leci Brandão cantará grandes sucessos de diversos momentos de sua carreira e da história do samba.

A Virada do Samba será apresentada pelos mestres de cerimônia Moisés da Rocha, conhecido por seu importante trabalho no programa “O Samba Pede Passagem”, na Rádio USP FM, e Claudinha Alexandre, colunista ao lado de Moisés, além de apresentadora do programa Papo de Bamba (BR Brazil web).

dgtvmidia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.