Tradicionais vidros japoneses são tema de duas mostras da Japan House

Imagem de divulgação

Estão em cartaz na Japan House São Paulo, localizada na Avenida Paulista, duas mostras concomitantes, “Sopros – designs de vidro japonês” e “Edo Glass: técnicas tradicionais de vidro”, que trazem peças utilitárias de vidro no estilo Edo Glass com design atual. Esse conjunto de técnicas artesanais de fabricação de vidros foi desenvolvido no Período Edo (séc. XVII a XIX) e se mantém ainda nos dias de hoje como símbolo da produção de Tóquio, no Japão. 

As mostras revelam a evolução da relação entre o tradicional e o atual por meio de itens produzidos por habilidosos artesãos nipônicos e podem ser conferidas gratuitamente até o dia 6 de março.

“Sopros – designs de vidro japonês” está no piso térreo e conta com uma expografia que remete a um cenário industrial contrastante com a leveza, delicadeza e a transparência dos vidros, em que as peças indicam um pouco da vida cotidiana presente japonesa. Ao todo, são mais de 300 objetos utilitários como copos, vasos, pratos e pesos de papel, além de outros itens menos conhecidos pelo público brasileiro, como descansos para hashis e porta-onigiri (tradicional bolinho de arroz japonês).

Com curadoria de Natasha Barzaghi Geenen, diretora cultural da Japan House São Paulo, a mostra apresenta peças que utilizam técnicas basilares do estilo Edo Glass e tecnologias específicas, como é o caso da aplicação de cor em alguns objetos.

Já no primeiro andar da instituição, em “Edo Glass: técnicas tradicionais de vidro” é possível ver diferentes técnicas aplicadas e aprimoradas no arquipélago japonês, as quais garantiram uma nova e singular linguagem acerca desse material, aliadas à criação de designs arrojados que ajudaram a compor peças aptas para atender necessidades do cotidiano atual japonês.

“Mais do que elementos decorativos ou funcionais, é interessante como essas peças revelam um estilo de vida do Japão. Além disso, a coexistência do tradicional com o contemporâneo também pode ser vista mais uma vez aqui, nesta exposição, como forma de vivenciar a estética atual que inúmeros artesãos desenvolveram a partir da técnica tradicional”, destaca Natasha.

Com apoio da Tobu Associação das Cooperativas da Indústria de Vidro do Japão (Tobu Glass Industry Co-operative Association of Japan), organização que supervisiona todas as empresas certificadas de Edo Glass, o projeto apresenta peças de fábricas reconhecidas por essa produção: Iwasawa Glass Co., Tajima Glass Co., Sugahara Glassworks Inc., Toyo-Sasaki Glass Co., Ltd. e Nakakin Glass Inc.. Essa iniciativa tem o intuito de dar maior visibilidade a uma produção que é oficialmente reconhecida como patrimônio do Japão.

A exposição conta também com programação paralela online e conteúdos compartilhados nas redes sociais da JHSP, além de recursos de acessibilidade, como elementos táteis e audiodescrição.

Serviço

Sopros – designs de vidro japonês

Térreo

Edo Glass: técnicas tradicionais de vidro

Primeiro andar

Período: até 6 de março de 2022

Custo: entrada gratuita

A exposição conta com Recursos de Acessibilidade

Reserva online antecipada (opcional): https://agendamento.japanhousesp.com.br/ 

Japan House São Paulo

Endereço: Avenida Paulista, 52 – Bela Vista, São Paulo

Horário de funcionamento: 

Terça a sexta-feira, das 10h às 18h*

Sábados, das 9h às 19h*

Domingos e feriados, das 9h às 18h*

dgtvmidia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *